Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, personalizar os anúncios e relembrar as suas preferências. Se continuar a navegar, entenderemos que está a aceitar a utilização de Cookies no nosso Site. Para mais informações (por exemplo, como mudar as suas preferências), visite-nos em Política de Cookies

OK
advertisement
Programa AvançadoAvançado

Açorda de sapateira

Classificação 0/5

·         Numa panela coloque 2 litros de água a aquecer, junte 2 colheres de sopa de sal, 1/2 cebola com casca, 1 folha de louro e leve a sapateira a cozer durante 12 a 15 minutos

·         Passado esse tempo tire do lume, reserve o caldo e deixe a sapateira arrefecer

·         Descarte a côdea de 1 pão alentejano já duro e migue o miolo para uma taça

·         Acrescente o caldo da cozedura, concha a concha, sem ensopar demasiado o pão

·         Depois trate da sapateira, descarte as barbas e as guelras, separe as patas da carcaça

·         Reserve a barriga assim como a carne toda que encontrar nas casquinhas

·         Passe à base da açorda, num tacho coloque um bom fio de azeite a aquecer

·         Junte 5 dentes de alho cortados em fatias e deixe fritar ligeiramente. Acrescente 1 piri-piri seco e os talos de coentros picados

·         Junte depois 3 colheres de sopa de concentrado de tomate assim como a barriga da sapateira, e frite um pouco

·         Acrescente o pão e enquanto vai mexendo, junte mais caldo se for necessário

·         Aproveite para temperar com pimenta e mexa

·         Entretanto separe as gemas das claras de 2 ovos, e adicione as gemas batidas ao tacho, mexendo sempre

·         Assim que voltar a borbulhar pode servir!

·         Polvilhe a açorda com folhas de coentros picados, a carne da sapateira e alguns gomos de limão. Não se esqueça das patas, que devem ser comidas à mão em homenagem ao verão.

 

Para miúdos:
não
Para os vegetarianos:
não
Do programa:
Receita de: Filipa Gomes