Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, personalizar os anúncios e relembrar as suas preferências. Se continuar a navegar, entenderemos que está a aceitar a utilização de Cookies no nosso Site. Para mais informações (por exemplo, como mudar as suas preferências), visite-nos em Política de Cookies

OK
advertisement
Programa AvançadoAvançado

Viana do Castelo - Arroz de farinheira

Classificação 0/5

Este arroz é extremamente fácil de fazer e óptimo para acompanhar vários pratos, inclusive um cozido à portuguesa feito sem farinheira. Começamos por picar a cebola e a malagueta e depois refogá-las numa panela com um fio de azeite e uma folha de louro. Entretanto, tiramos a película exterior da farinheira e usamos apenas o seu interior, esmagando-o um pouco para ele perder a forma. Juntamos a pasta de farinheira ao refogado e, em seguida, acrescentamos o arroz – uma mão cheia por pessoa. Deixamos fritar durante um bocadinho, mexendo sempre, e finalmente acrescentamos o dobro da água em relação ao arroz. Tapamos e deixamos cozinhar em lume brando durante 15 minutos. Reparem que não colocámos sal neste arroz, pois a farinheira já tem um sabor bastante intenso e corremos o risco de salgar o prato. Mas, como em todas as receitas, é uma questão de gosto e devemos provar para percebermos se o tempero está ao nosso gosto. No final, podemos raspar um limão sobre o arroz, para lhe dar um travo de frescura. Bom apetite!

Para miúdos:
não
Para os vegetarianos:
não
Receita de: Sebastião Castilho