Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, personalizar os anúncios e relembrar as suas preferências. Se continuar a navegar, entenderemos que está a aceitar a utilização de Cookies no nosso Site. Para mais informações (por exemplo, como mudar as suas preferências), visite-nos em Política de Cookies

OK
advertisement
Programa AvançadoAvançado

Olhão - Doce de xarém

Classificação 0/5
Esta sobremesa foi pensada a partir da farinha de milho tão característica do Algarve – o xarém.

O resultado final vai ser uma papa de milho doce, à qual vamos juntar os morangos para dar contraste.

Começamos por saltear os morangos. Depois de os lavarmos e retirarmos o pé, cortamo-los em quatro partes e levamos a uma frigideira, acrescentando uma colher de sopa de açúcar. Vamos mexendo e deixamos saltear, até que os morangos libertem a sua água e, em contacto com o açúcar, criem uma polpa doce. Polvilhamos com algumas folhas de menta picadas e envolvemos, para que os sabores se misturem. Retiramos do lume e reservamos, enquanto preparamos o xarém doce.

Numa panela, colocamos o leite, a farinha de milho, duas raspas de laranja, os paus de canela e o açúcar. Levamos a lume brando e vamos mexendo sempre, até levantar fervura e cozer a farinha de milho. Este processo irá demorar, sensivelmente, 20 minutos. No final, o xarém doce deverá ficar com uma consistência grossa, mas não demasiado “empapado”. Nesta fase regamos com o sumo de uma laranja, mexemos e retiramos do lume.

Com as duas partes da nossa sobremesa prontas, falta-nos juntá-las. E isso poderá ser feito numa grande tigela ou em quatro tigelas individuais, por camadas.

No fundo, colocamos o preparado de morangos, depois cobrimos com uma porção do xarém (com cuidado para não incluirmos as raspas de laranja ou os paus de canela) e voltamos a cobrir com mais alguns morangos.

Finalizamos com algumas nozes de macadâmia caramelizadas e picadas grosseiramente. Este apontamento de crocante pode ser dado por outro fruto seco, como nozes ou avelãs, de acordo com o gosto de cada um.

E pronto, a nossa sobremesa de xarém com morangos está pronta. Resta-nos colocá-la no frigorífico e esperar tempo suficiente para que fique bem fresca.

Experimentem!
Para miúdos:
não
Para os vegetarianos:
sim
Receita de: Sebastião Castilho