Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, personalizar os anúncios e relembrar as suas preferências. Se continuar a navegar, entenderemos que está a aceitar a utilização de Cookies no nosso Site. Para mais informações (por exemplo, como mudar as suas preferências), visite-nos em Política de Cookies

OK
advertisement
Programa AvançadoAvançado

Bolos de Salmão e Camarão Cajun

Classificação 0/5
  • Comece por descongelar o salmão e os camarões, de preferência durante a noite e no frigorífico, coberta na prateleira de baixo.

  • Descasque os tomates, corte em pedaços grandes, e coloque-os numa panela de água a ferver com sal durante 15 minutos ou até ficarem bem cozidos. Escorra, deixe a secar do vapor e esmague bem numa taça e deixe a arrefecer. Remova com cuidado a pele do salmão, se os filetes a tiverem, e corte grosseiramente com os camarões. Tires as sementes do pimentão e corte, finamente, e adicione aos tomates com o peixe, camarões, uma pitada de sal e pimenta e raspas finais de meio limão. Misture bem, divida em 6 pedaços, forme cada pedaço numa empada com cerca de 1.5cm de espessura.

  • Triture o pão, o tempero Cajun e um pouco de azeite num robot de cozinha para fazer migalhas finas e coloque num prato. Misture a farinha com 2 colheres de sopa de água para formar uma pasta solta e com isso cubra um dos lados dos bolinhos de peixe. Pressione bem contra as migalhas de pão até ficarem bem envolvidas, depois cubra a outra metade e faça o mesmo, transferindo-os para uma bandeja oleada, à medida que avança. Cubra com película aderente e coloque no frigorífico durante 30 minutos para afirmar. Entretanto, pre-aqueça o forno a 200ºC.

  • Cozinhe os bolinhos de peixe durante 20 ou 30 minutos ou até ficarem crocantes, dourados e cozinhados por dentro. Entretanto, corte a alface, o pepino, os tomates e o endro (se tiver) tudo junto numa tábua e tempere com vinagre, azeite extra-virgem e uma pitada de sal e pimenta. Divida entre os pratos, com um bolinho de peixe em cada porção, coloque a raíz-forte no topo (sinta-se à vontade de usar a quantidade que quiser) e sirva com o resto do limão, cortado em cunha.



Foto: © David Loftus 2013
Para miúdos:
não
Para os vegetarianos:
não
Do programa:
Receita de: Jamie Oliver