Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, personalizar os anúncios e relembrar as suas preferências. Se continuar a navegar, entenderemos que está a aceitar a utilização de Cookies no nosso Site. Para mais informações (por exemplo, como mudar as suas preferências), visite-nos em Política de Cookies

OK
advertisement
Programa AvançadoAvançado

Blog - Comida com Paixao: Bolo de Mirtilos, Limão e Maracujá | Gluten Free

Classificação 0/5
Nos últimos 5 anos têm sido diagnosticadas a familiares e amigos próximos várias doenças do foro intestinal, todas crónicas e incuráveis. É nas conversas que tenho com cada um destes casos que vou descobrindo a realidade de doenças como a Doença Celíaca, a Doença de Crohn e a Colite Ulcerosa. Doenças sem idade, sem género, com sintomas muito diferentes de caso para caso e cujos tratamentos são um constante desafio, pois não existem tratamentos genéricos. Apesar de nomes, sintomas e caracterizações diferentes, todas estas doenças encontram a estabilização através de uma alimentação equilibrada, com introdução, erradicação ou substituição de ingredientes específicos, mas sempre com necessidade de vigilância constante ao que se ingere.

A sugestão de hoje foi criada para estas pessoas do meu coração e para todas as outras que conhecem igualmente bem estas realidades. É uma receita cheia de Super Poderes, rica em antioxidantes, vitaminas e sais minerais através dos Mirtilos, do Limão e do Maracujá, totalmente livre de glúten e tão, mas tão gulosa que melhor do que uma fatia deste bolo, só mesmo duas!

Não deixe de experimentar a sugestão de hoje, mesmo que não padeça de nenhumas destas condições, podendo substituir a farinha e o fermento sem glúten por farinha de trigo e fermento químico em pó, utilizando as mesmas quantidades indicadas na receita. Este bolo fica tão fofo, leve e guloso que é quase um pecado não o provar!


Vai  precisar de:
- Forma de bolo inglês
- 2 Tigelas grandes e 1 média
- Batedeira ou robot de cozinha
Salazar ou espátula de cozinha
- Peneira de cozinha

Preparação:
Ligue o forno a 200º C (opção apenas de aquecimento em baixo, para fazer crescer a massa sem queimar o topo do bolo).
Unte a forma com um pouco de manteiga sem sal e polvilhe com um pouco de farinha sem glúten. Reserve.

Coloque a farinha e o açúcar em cada uma das tigelas grandes, retirando ao açúcar 2 a 3 colheres de sopa para um outro recipiente pequeno. Reserve. Adicione à farinha o fermento e reserve.
Separe as gemas das claras, colocando as gemas na tigela do açúcar e as claras na tigela média. Bata as claras em castelo (com uma pitada de sal, para subirem mais rápido) e, depois de bem firmes, junte-lhes as 2 ou 3 colheres de sopa de açúcar que reservou anteriormente, continuando a bater até obter uma consistência cremosa (quase de suspiro). Reserve.

Bata as gemas com o açúcar até obter uma pasta granulosa. Adicione a manteiga à temperatura ambiente e bata até obter uma massa esbranquiçada. Junte de seguida a raspa de limão, a polpa dos maracujás e metade das claras em castelo. Envolva tudo com a ajuda do Salazar ou espátula. Adicione depois a farinha com o fermento (peneirados) e bata até que a massa fique muito suave e forme pequenas bolhas. Junte 150 gr de mirtilos (lavados e bem secos) e o resto das claras com a ajuda da espátula, envolvendo tudo suavemente (não bata a massa ou use movimentos rápidos neste último passo, pois pretende-se que a massa encorpore as claras em castelo e o ar que nelas existem).


Deite a massa na forma e nivele com a ajuda da espátula. Decore o topo da massa com os 50 gr restantes dos mirtilos (lavados e bem secos), espaçando-os entre si. Leve ao forno cerca de 30 a 40 minutos (para que a massa não abata, não abra o forno durante a cozedura). Após esse tempo, espete um palito na massa até ao fundo da forma e verifique se está cozinhada (se ao retirar, o palito estiver totalmente seco o bolo está cozinhado).

Quando o bolo estiver pronto, retire do forno e deixe arrefecer antes de desenformar. Sirva com o seu chá preferido e...


Bom Apetite!

Esta receita foi enviada e gentilmente cedida pelo Blog Recomendado Comida com Paixão
Para miúdos:
sim
Para os vegetarianos:
sim