Utilizamos cookies próprias e de terceiros para melhorar o nosso serviço, personalizar os anúncios e relembrar as suas preferências. Se continuar a navegar, entenderemos que está a aceitar a utilização de Cookies no nosso Site. Para mais informações (por exemplo, como mudar as suas preferências), visite-nos em Política de Cookies

OK
advertisement
Programa AvançadoAvançado

Blog - Bibs: Farfalle Camponês

Classificação 5/5
Material: uma taça grande, um almofariz, um ralador fininho, uma panela grande, um garfo ou umas varas de bater.

Duração: 15 minutos (o tempo de cozedura da massa - o farfalle demora a cozer!)


Batem-se as gemas na taça com um garfo ou umas varas. Junta-se o sumo de limão e as raspas. De seguida junta-se o queijo e envolve-se tudo. O queijo deve estar ralado finamente - se quiserem podem triturar no robot ou 123 (como a minha mãe chama). Tempera-se com pimenta (uma boa quantidade). Entretanto separam-se todas as folhas de mangericão dos talos, reservando as folhas mais pequeninas para salpicar por cima no fim. Quando a massa estiver quase quase cozida (quando faltar 1 minuto ou 2), moi-se o mangerição no almofariz com umas pedrinhas de sal (pouco). Deve ficar completamente moído (vai soltar um pouco de água). Deve-se moer no fim para que o mangericão não tenha tempo de oxidar. Junta-se à mistura. Por fim, escorre-se a massa mas com atenção para não escorrer totalmente toda a água. Junta-se a massa à mistura na taça e envolve-se. As gemas vão cozer ligeiramente mas o resultado deve ser um creme que envolve o farfalle, um por um. Por fim (já no prato ou ainda na taça) salpicam-se com as folhas pequeninas do mangericão e com parmigiano (também ralado finamente). Pode-se regar, no prato, com um fio de azeite (eu não o fiz, mas fica à vossa escolha!).

A massa vai ficar super cremosa, com um travo a limão bestial e com o aromático sabor do mangericão.

Buon appetito!


Esta receita foi enviada e gentilmente cedida pelo Blog Recomendado 
Bibs
Para miúdos:
não
Para os vegetarianos:
sim