advertisement
Rudolph van Veen

Rudolph van Veen

Rudolph van Veen
Rudolph van Veen (1967) soube muito cedo que queria ser chef. Em 1985 formou-se com distinção no seu curso pela Culinaire School van Breda (Escola de Culinária de Breda) e desde esse momento quis tornar-se num Master Chef.

Trabalhou na Suiça, entre outros países, trabalhou com o Master Chef Cas Spijkers, e especializou-se em pastelaria em Huize van Wely. Com 27 anos recebeu o título de SVH Meesterkok (Master Chef), o grau mais alto que um chef pode alcançar na Holanda.

Durante o tempo em que frequentou a escola, competições nacionais e internacionais representaram um desafio para Rudolph superar os outros bem como a si próprio. Na Holanda, recebeu por quatro vezes o primeiro prémio do Zilveren Koksmuts-wedstrijden (Concurso do Barrete de Cozinheiro de Prata) e arrecadou um grande número de medalhas como membro da equipa de chefs holandeses em Frankfurt, Sidnei, Londres e Singapura.

Em 1999, juntamente com quatro colegas pasteleiros, fundou a Dutch Pastry Team (Equipa Holandesa de Pastelaria). Esta equipa promove o ramo da pastelaria em eventos nacionais e internacionais e funciona como um laboratório experimental para novas receitas. Para estimular novos talentos, a equipa organiza um evento anual, o Prémio de Pastelaria Holandesa: uma competição profissional para pasteleiros ambiciosos.

Desde o ano 2000, Rudolph é júri permanente do Campeonato Anual de Pastelaria dos Estados Unidos da América, realizado em cidades como Beavercreek, Las Vegas e Phoenix. Para além disto, é também participante regular em festivais que decorrem, por exemplo, na Cidade do Cabo e no Cairo.

Rudolph também cozinha e faz doces em televisão há já alguns anos. Desde o ano 2000, a sua popularidade cresceu com o programa Life&Cooking, onde é um complemento de valor à famosa equipa de apresentadores, Carlo e Irene.Rudolph tornou-se num dos chefs televisivos mais conhecidos na Holanda, em parte devido a programas como The Taste Of Life e The Taste Of Life Basics.

Em 2010 participou no primeiro exame de dois dias para o título de Master Chef de Pastelaria na Holanda, em que passou com distinção. Com isto, Rudolph tornou-se na primeira pessoa no seu país a ter os títulos de Master Chef e de Master Chef de Pastelaria.

Em 2011, Rudolph lançou um novo projeto muito interessante: o Bus Stop Bakery. Este projeto consistia numa pastelaria móvel: um autocarro cor-de-rosa cheio de cupcakes e outros bolos únicos que circulava por toda a Holanda. Dez por cento dos lucros foram doados a três associações de caridade holandesas. Rudolph é o responsável pelas receitas usadas no projeto Bus Stop Bakery e pela apresentação dos bolos.

No 24 Kitchen, Rudolph é responsável por vários programas. Todos os dias, mostra aos telespetadores como preparar refeições simples e acessíveis em De Makkelijke Maaltijd (The Easy Meal).

Neste programa, Rudolph explica os princípios básicos da culinária e mostra, numa forma inspiradora, que todos os holandeses podem disfrutar de uma refeição deliciosa e saudável. No ramo da pastelaria, Rudolph apresenta o que melhor sabe em Rudolph’s Bakery. Neste novo programa, o Master Chef de Pastelaria partilha os seus conhecimentos e a sua paixão pelos doces bem como algumas receitas.

Rudolph sabe perfeitamente como confecionar iguaria de fazer crescer água na boca, quer sejam bolos ou pães. Em The Taste of Life Basics, Rudolph procura os melhores produtos holandeses para com eles preparar receitas deliciosas e saudáveis. E em The Taste of Life Travel, Rudolph viaja por todo o mundo à descoberta de maravilhas culinárias.